Categoria: saúde

14 de novembro de 2017

Café verde é coadjuvante no combate ao sobrepeso e à obesidade

saúde

O extrato de café verde com alta concentração de ácido clorogênico auxilia no emagrecimento saudável. Na última década, o número de obesos no Brasil aumentou em 60%.

Considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) um dos maiores problemas de saúde pública no mundo, a obesidade deve atingir, em 2025, mais de 700 milhões de adultos, enquanto 2,3 bilhões de pessoas estarão com sobrepeso. Além disso, estima-se que o número de crianças com sobrepeso e obesidade chegue a 75 milhões.

No Brasil, o cenário é igualmente preocupante. Segundo o Ministério da Saúde, na última década, a quantidade de obesos aumentou em 60%, e a de indivíduos com sobrepeso cresceu 26,3%.

Em 2006, 11,8% da população brasileira era obesa. Em 2016, esse número passou para 18,9%. Um levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontou que 58,2% das mulheres e 55,2% dos homens estão acima do peso. Esses números alarmantes são decorrentes, principalmente, de fatores econômicos, ambientais e genéticos.

  • O que é obesidade?

Dados da Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) mostram que há aumento significativo do excesso de peso de jovens com idade entre 18 e 24 anos (30,3%) e superior a 50% para pessoas de 25 a 44 anos.

Mas, afinal, o como podemos definir obesidade? “É uma doença crônica na qual fatores de predisposição genética se somam a gatilhos ambientais, resultando em ganho de peso corporal com maior percentual de gordura”, resume a endocrinologista Vânia Assaly. Ela explica que, atualmente, o Índice de Massa Corporal (IMC) tem sido questionado, pois nem sempre representa o percentual de gordura de um indivíduo nem define o padrão de risco associado à ocorrência de doenças crônicas relacionadas à obesidade.

Porém, para muitas pessoas, a obesidade é delimitada justamente por meio do IMC: um indivíduo com IMC entre 25 a 29,95 é considerado em sobrepeso; igual ou maior que 30, é determinado como obeso e, quando o valor é superior a 40, classificado com obesidade mórbida. Para calcular, basta dividir o peso pela altura ao quadrado (peso dividido por altura x altura).

Ambiente como fator determinante da obesidade: Estilo de vida moderno

De acordo com a endocrinologista, o estilo de vida moderno impacta diretamente nos hábitos alimentares. “As pessoas têm menos tempo para fazer as refeições e, muitas vezes, acabam optando por alimentos de rápido preparo, com maior oferta calórica e pobres em nutrientes essenciais”. Além disso, ao adotar uma dieta pouco diversificada, industrializada e processada, o risco de obesidade aumenta.

A mudança comportamental no mundo moderno faz com que as pessoas vivam apressadas, deixando de mastigar os alimentos, de dormir e de praticar exercícios físicos. Dra. Vânia relata que o sedentarismo é o novo tabagismo, sendo fator determinante para o aumento da obesidade. “Desde a infância, passamos grande parte do nosso dia em frente ao computador e assistindo TV, sem ter o exercício como um aliado natural do gasto energético. Além destes fatores, a tensão e o estresse acumulados modificam o eixo hormonal e geram alterações do ritmo biológico”. Consequência disso é um ciclo de fadiga e excesso de apetite, no qual se busca recompensas por meio de alimentos altamente calóricos.

Extrato de café verde, uma opção natural

Diante desse cenário, nutracêuticos à base de café verde têm sido uma opção natural para o combate ao excesso de peso. Rico em ácido clorogênico, substância que auxilia na redução dos níveis de glicose no sangue e impede o organismo de utilizar o açúcar dos alimentos como fonte de energia, o produto obriga o organismo a retirar a energia do próprio estoque de gordura. Ao evitar o acúmulo de gordura localizada, atua como coadjuvante no tratamento de diabetes tipo 2 e no emagrecimento progressivo, sem prejudicar a qualidade do sono.

O Aché Laboratórios reconhece os benefícios do extrato de café verde e apresenta o nutracêutico Svelim. Produzido a partir do extrato purificado de café verde com alta concentração de ácido clorogênico, picolinato de cromo e óleo de cártamo, o produto age no metabolismo e ajuda a manter a boa forma com baixo teor de cafeína.

0 comentários
10 de novembro de 2017

Quatro exercícios de pilates que você pode fazer em casa

saúde

O Pilates é uma atividade física muito antiga que une corpo e mente através de  exercícios que envolvem respiração.

 

“Tudo ocorre de maneira sincronizada, por isso é necessária muita atenção para a correta execução dos movimentos”, comenta Douglas Paiva, educador físico e fundador da Pure Pilates.

O pilates fortalece a musculatura, as articulações e estimula o correto alinhamento da postura e diferentemente do que muita gente pensa, há uma série de exercícios que podem ser realizados em casa. Confira a seguir alguns exercícios separados pela Pure Pilates para treinar no conforto e tranquilidade do seu lar

  • Abdominal

Para realização desse exercício basta apenas um colchonete e muita disposição. É necessário deixar o corpo estendido, com pernas retas e os braços acima da cabeça. No momento da inspiração eleve lentamente mãos, braços, ombros, cabeça e tronco até conseguir se levantar. O movimento também pode ser realizado com os joelhos dobrados, facilitando assim sua execução.

Quatro séries entre 8 e 12 repetições está de bom tamanho. O abdominal fortalece abdômen, glúteos e costas

  • Elevação de quadril

Assim como a exemplo do abdominal, para realizar este exercício basta apenas possuir um colchonete. Para a realização da elevação de quadril deve-se deitar com os joelhos flexionados e manter os pés, braços, ombros e costas apoiados no chão. Na inspiração suba lentamente o cóccix, a coluna lombar e coluna vertebral, mantendo os ombros e a parte de cima das costas como apoio e levante uma das pernas em direção ao teto.

Quatro séries de até 10 repetições é o suficiente para garantir o fortalecimento da musculatura do glúteo, do abdômen, da coluna lombar, do posterior da coxa e também da musculatura paravertebral.

  • Flexão de braço

A flexão de braço é um dos exercícios mais conhecidos que existe. Para sua realização basta ficar na posição de cachorrinho, tirando os pés do chão e os cruzando e com os braços abertos em um ângulo de 90º. Após isso, basta fechar os braços, trazendo-os mais próximo possível do seu corpo e descer com o peito em direção ao chão.

Quatro séries entre 10 e 15 repetições são suficientes para um ótimo fortalecimento dos músculos peitorais e tríceps.

  • Elevação de perna lateral

Para a realização desse exercício, deve-se deitar de lado, sobre o braço que deve permanecer estendido. Em seguida, o abdômen deve ser contraído, assim como os glúteos e a pelve também. Mantenha então as pernas bem estendidas uma em cima da outra. No momento de inspiração eleve a perna de cima em direção ao teto e abaixe.

Assim como nos exercícios anteriores, quatro séries entre 10 e 15 repetições para cada perna são suficientes para fortalecimento dos músculos da coxa.

 

É importante salientar que, com um professor ausente, deve-se redobrar a atenção com relação a postura no momento de execução dos exercícios. Exercícios de pilates feitos de qualquer maneira podem trazer uma série de malefícios à sua saúde, portanto, muita atenção e força para realização dos movimentos de maneira correta.

0 comentários
04 de setembro de 2017

Exercícios para as mamães ficarem com o corpo em dia

saúde

Se você é mãe, e assim como eu deseja ter o corpo que tinha antes, chegou a hora.

Tudo é possível e com um pouquinho de ajuda a gente chega la.

A especialista em exercícios pós-parto e criadora do programa de emagrecimento Mamãe Sarada (www.mamaesarada.com.br), Gabriela Cangussú, conta que é possível emagrecer com saúde e sem nenhum tipo de equipamento em casa, por meio de uma rotina diária e bem rápida de exercícios, super adequada à realidade das mães. Afaste o sofá, ligue a TV ou o computador e conquiste o corpo que tinha antes da gravidez com os exercícios indicados pela personal trainer. Confira!

Antes de tudo: se aqueça!
Comece fazendo uma corridinha parada de dois minutos e 50 polichinelos. De acordo com Gabriela, esse preparo é fundamental para elevar a temperatura do corpo e deixá-lo pronto para o inicio dos exercícios.

Barriga e bumbum durinhos
Prancha frontal – De bruços, apoie as mãos espalmadas no chão e deixe-as alinhadas ao ombro. Com a ponta dos pés apoiados no chão, alinhe-os com os cotovelos. Em seguida, leve a mão até o ombro contrário de maneira alternada e permaneça nessa posição por 30 segundos. Faça três séries com cada mão.

Escalada curta – Ainda na posição de prancha, com as mãos apoiadas no solo e afastadas, mantenha o tronco ereto. Erga um dos joelhos em direção ao peito, alternando rapidamente com a outra perna o mais rápido que conseguir. Repita o movimento por pelo menos 30 segundos.

Mix de polichinelo com agachamento sumô – Partindo da posição ereta e com os braços e pernas juntos ao corpo, siga os seguintes movimentos: com um salto, afaste as pernas apontando os pés para fora, agache e levante os braços atrás da cabeça. Suba novamente e, com outro salto, feche as pernas e leve as mãos novamente às coxas, voltando para a posição inicial. Faça isso por 30 segundos ou 30 repetições.
“A variação com as pernas mais afastadas e com os pés apontados para fora ajuda a fortalecer o interior das coxas e a levantar o bumbum”, esclarece a personal.

Abdominal Bicicleta: Fique deitada no tapete ou colchonete de casa com as costas no chão e as pernas inclinadas em um ângulo de aproximadamente 90 graus. Simule pedaladas alternando os movimentos das pernas de forma devagar e regular. Faça 40 pedaladas, sendo 20 por cada perna, ou pedale no ar por 30 segundos. “Esse tipo de exercício é ótimo porque trabalha os oblíquos do lado esquerdo e direito ao mesmo tempo”.

Abdominal supra abraçando os joelhos: Deite com a barriga para cima, estenda as pernas e deixe os braços ao lado do corpo. Eleve bem o tronco, flexione e abrace os joelhos por 30 segundos. Faça três séries.

Mantenha o ritmo! Faça os treinos na hora que tiver uma folguinha, o importante é fazer! Outra dica de Gabriela Cangussú é estabelecer uma meta de treinos por semana. “Fazer essas séries pelo menos cinco vezes por semana já faz uma diferença enorme para o corpo”, destaca.

Sobre o Mamãe Sarada
O Mamãe Sarada é um programa de treinos online exclusivos para mães. A ideia do formato partiu da personal trainer e mestre em fisiologia do exercício Gabriela Cangussú. Depois de sentir na pele o sobrepeso após a gestação do seu segundo filho, a especialista fitness criou então séries de aulas para serem executadas em apenas 14 minutos, todos os dias, tempo suficiente para colocar o organismo no eixo sem prejudicar a rotina com os filhos.

O programa é totalmente focado nas áreas do corpo que são mais impactadas pela gravidez, como pernas, abdome, glúteos e lombar.

0 comentários
11 de agosto de 2017

Como resistir às tentações quando se tenta viver de forma mais saudável?

saúde

(pixabay.com)

Ninguém é santo quando se trata de comida, e todos nós ficamos tentados – às vezes. Seja lá qual for a sua fraqueza – doces, pães, fast-food, frituras – saiba que todos nós temos uma. Mesmo tendo noção dos danos de uma dieta desequilibrada, é difícil não ceder às tentações do dia a dia, até porque elas estão em todos os lugares: reuniões com os amigos, colegas de trabalho oferecendo doces, eventos familiares ou até mesmo descontos nos mercados. É impossível evitar essas situações diárias, mas elas definitivamente são controláveis. Por isso, hoje eu trouxe umas dicas para você conseguir manter uma vida saudável e equilibrada, independente dos obstáculos:

 

  • Ao invés de dizer “eu não posso comer isso”, diga “eu não como isso”
    Lembre-se, o controle está em suas mãos. Além disso, você não está sendo forçada a ter uma vida saudável, e lembrar que certos alimentos fazem mal à saúde não é uma forma de punição. Palavras têm mais poder do que se imagina e quando ditas aos outros, seus ouvidos também ouvem, lembre-se disso. Frases positivas são importantíssimas para mudanças de hábito.

 

  • Gratificação instantânea X gratificação a longo prazo
    Lembre-se que aquele bolo de chocolate vai durar apenas alguns minutos nas suas mãos, mas vai ficar bastante tempo no seu corpo. Então, pense nas consequências dos seus atos antes de cometê-los. Uma dica extra em relação a isso é beber água e esperar vinte minutos quando estiver tentada a devorar qualquer coisa. Se depois desse tempo você ainda achar que deve comer, siga adiante e coma!

 

  • Considere os ingredientes
    Pense em um donut. Do que ele é feito? Boa parte dos ingredientes são gordura e açúcar. Não é muito saudável, não é mesmo? Considere os ingredientes e visualize-os na sua mente antes de consumir o produto final.

 

Alternativas saudáveis


Mesmo quando você estiver tentada, lembre-se que há alternativas mais saudáveis que também irão te satisfazer. Procure as com menos gordura, sódio, açúcar ou que sejam feitos com produtos integrais e grãos.


Beba água


Você sabia que confundimos fome com sede constantemente? Ao beber mais água, terá uma vontade menor de beliscar, simplesmente porque muitas vezes está na verdade com sede – e não com fome! Sem contar que ela é essencial para o metabolismo, podendo aumentar sua taxa metabólica em até 30%. Portanto, sempre carregue uma garrafinha com você. Para ver outros benefícios dela, clique aqui.

 

Coma regularmente


Ao invés de comer um prato cheio de uma vez só, tente dividir suas refeições em porções menores. O ideal é se alimentar de três em três horas, para não deixar o seu corpo ativar a grelina, também chamado de “hormônio da fome”, pois quando ele é liberado, nós ficamos mais tentadas a devorar todos os tipos de besteiras. Se você está sempre fora de casa, ou o seu trabalho não te permite dividir as refeições, sugiro carregar barrinhas de cereal ou snacks saudáveis na bolsa.

 

Equilíbrio


Obviamente, a gente merece “prêmios” de vez em quando. Lembre-se que tudo na vida é equilíbrio, e viver saudável não significa cortar tudo o que gosta da sua dieta. Adora um doce? Não tem problema! Você pode se presentear uma vez ou outra. Meu ponto fraco são os BigMac do McDonald’s, adoro! Mas sejamos honestas: de vez em quando, a gente merece, não é mesmo?

 

Durma bem


A relação entre sono e obesidade já foi mais do que comprovada. Pessoas que dormem menos de seis horas por dia têm mais chances de sofrerem de obesidade, e isso se dá porque diversos desequilíbrios hormonais acontecem quando dormimos pouco. Já percebeu como você fica com fome quando não dorme bem? Isso acontece porque os níveis dos hormônios leptina e grelina são afetados. A leptina é responsável pela saciedade, e, como mencionamos anteriormente, quando a grelina é ativada, comemos mais besteiras. Logo, quando dormimos mal, procuramos alimentos cheios de gordura e açúcar, e, para piorar a situação, comemos mais do que o normal. Portanto, procure dormir bem, por mais que a sua agenda seja cheia.

 

0 comentários
22 de junho de 2017

PRÁTICA DE YOGA PODE AJUDAR NA QUALIDADE DA VIDA SEXUAL

Dicas saúde

Ontem foi o dia internacional da Yoga e hoje venho com algumas dicas em que a PRÁTICA DE YOGA PODE AJUDAR NA QUALIDADE DA VIDA SEXUAL

A instrutora Leilane Lobo, do Desafio Yoga, explica que a prática de Yoga pode ajudar as pessoas a se conhecerem mais e se abrirem mais na conexão com o outro, o que beneficia uma vida sexual mais cúmplice, intensa e prazerosa.

Yoga
significa união e a sua prática tem como objetivo integrar o corpo, mente e espírito, através de exercícios que combinam técnicas respiratórias, posturas e meditação. Essa integração faz com que o praticante tenha diversos benefícios, como a melhora do condicionamento físico, da flexibilidade, da circulação sanguínea, do equilíbrio, diminuição do estresse e da ansiedade.
Segundo a instrutora Leilane Lobo, do Desafio Yoga, todos estes benefícios impactam a rotina das pessoas de forma positiva e em muitos aspectos, inclusive o sexual. 

“Os benefícios físicos que a prática proporciona, refletem diretamente na vida sexual, tendo em vista que o praticante terá mais energia, força, flexibilidade e resistência”, afirma.

Quanto aos benefícios emocionais, a especialista ressalta que a prática estimula a pessoa a canalizar energias.

 “Com a yoga, o praticante inicia despertando a energia do Muladhara Chakra, que é o primeiro e mais elementar chakra, situado na região do períneo, no baixo abdome. Este ascender energético leva, através de um efeito dominó, ao despertar de todos os outros chakras, ampliando o fluxo de energia vital de todo o ser”, explica Leilane.

Esta energia é o que conecta cada um com o Universo e com seu interior, estimulando o autoconhecimento. Segundo Leilane, quanto maior a conexão da pessoa com ela própria, maior também será a conexão dela com o parceiro. Esta conexão propicia uma relação mais completa e prazerosa, pois a pessoa se doa mais e de modo mais intenso, recebendo e proporcionando mais prazer.
Por outro lado, os benefícios físicos do Yoga para o sexo começam a ganhar embasamento científico. Estudos comprovaram benefícios do Yoga para o combate a ejaculação precoce, controle do desempenho sexual, melhora do fluxo sanguíneo para a região do quadril e da força dos músculos da pelve e até mesmo aumento da autoconfiança, já que o sexo começa bem antes das quatro paredes.

Sobre o Desafio Yoga

Desenvolvido com metodologia exclusiva, o Desafio Yoga é um programa 100% online e que tem como treinadora a Leilane Lobo – Instrutora Certificada de Yoga há 9 anos, Personal Yoga e especialista em transformação do corpo feminino. O programa exige apenas 20 minutos diários de dedicação, têm o objetivo de ajudar as praticantes a entrarem na sua melhor forma no menor prazo possível através do Yoga e pode ser realizado por qualquer pessoa, mesmo aquelas que nunca fizeram Yoga.
A metodologia foi criada com o objetivo de permitir que o corpo e a mente estejam em constante evolução. Os desafios de exercícios propostos forçam o corpo a mudar e a se adaptar, tonificando cada região trabalhada e garantindo resultados para o corpo e para a mente.

1 comentário
23 de Janeiro de 2017

Sanduíche saudável de cenoura

saúde

O pós festas de fim de ano somado com o clima quente combina com uma alimentação não só equilibrada, mas também, refrescante.

Para lidar com os dias de calor, a dica é incluir nas receitas frutas e legumes que ajudam a dar saciedade, mas não tornam as refeições pesadas. Pensando nisso, a Chef da Unilever, Natália dos Santos, nos indicou uma receita super leve pra começar 2017 com tudo:

Rendimento: 3 porções

Tempo de preparo: 15 min

Calorias por porção: 322kcal

Ingredientes

  • 6 colheres (sopa) de maionese
  • 6 fatias pão de fôrma integral
  • 1 colher (sopa) de pimentão verde picado
  • 1 cenoura pequena ralada no ralo grosso
  • 3 fatias de queijo minas frescal
  • 3 folhas de alface roxa

Modo de preparo

  1. Passe a maionese em todas as fatias de pão.
  2. Distribua sobre metade das fatias dos pães o pimentão e a cenoura.
  3. Cubra com o queijo, disponhas as folhas de alface-roxa, feche com as outras fatias de pão reservadas e sirva em seguida.

#DicaDeChef: para deixar o seu lanche mais crocante, doure as fatias de pão na torradeira ou frigideira antes de montar o sanduíche.

0 comentários
23 de Janeiro de 2017

Sanduíche saudável de cenoura

saúde

O pós festas de fim de ano somado com o clima quente combina com uma alimentação não só equilibrada, mas também, refrescante.

Para lidar com os dias de calor, a dica é incluir nas receitas frutas e legumes que ajudam a dar saciedade, mas não tornam as refeições pesadas. Pensando nisso, a Chef da Unilever, Natália dos Santos, nos indicou uma receita super leve pra começar 2017 com tudo:

Rendimento: 3 porções

Tempo de preparo: 15 min

Calorias por porção: 322kcal

Ingredientes

  • 6 colheres (sopa) de maionese
  • 6 fatias pão de fôrma integral
  • 1 colher (sopa) de pimentão verde picado
  • 1 cenoura pequena ralada no ralo grosso
  • 3 fatias de queijo minas frescal
  • 3 folhas de alface roxa

Modo de preparo

  1. Passe a maionese em todas as fatias de pão.
  2. Distribua sobre metade das fatias dos pães o pimentão e a cenoura.
  3. Cubra com o queijo, disponhas as folhas de alface-roxa, feche com as outras fatias de pão reservadas e sirva em seguida.

#DicaDeChef: para deixar o seu lanche mais crocante, doure as fatias de pão na torradeira ou frigideira antes de montar o sanduíche.

0 comentários
20 de dezembro de 2016

Prancha isométrica aumenta qualidade de vida

saúde

Exercício promove fortalecimento de músculos e consciência corporal.

Você tem interesse em enrijecer o abdômen e ao mesmo tempo amenizar aquelas dores nas costas que aparecem após um longo dia de trabalho?

Estes e outros benefícios como o fortalecimento de músculos, aumento da consciência corporal e adequação da postura podem ser alcançados com a prática da prancha isométrica, exercício abdominal que envolve tronco, quadril e lombar.

Esta prática é tradicionalmente realizada de barriga para baixo com as pontas dos pés e os cotovelos estendidos com as mãos apoiadas no chão.

Mas, dependendo do objetivo e nível de condicionamento do praticante, esta fórmula pode ser alterada.

Segundo Eduardo Silva, educador físico, o surgimento da prancha é incerto. Apesar de ser utilizada em modalidades como treinamento funcional e yoga, foi no Pilates que o exercício ganhou força. Além de ser realizada corporalmente em posição frontal e lateral, também pode ser feita com movimentos de braços e pernas. Todas estas opções permitem agregar acessórios.

“O uso de alguns elementos pode facilitar ou dificultar a execução dos exercícios. Por isso, deve ser feita uma avaliação do nível de condicionamento do praticante antes de inseri-los”, afirma.

Ainda de acordo com o educador, os acessórios mais utilizados na prancha são a Bola Suíça ou como também é conhecida, Fit Ball, que aumenta o desafio do exercício, ocasionando instabilidade durante o uso.

prancha isometrica

 

Outro instrumento familiar aos praticantes é a Over Ball. Similar a uma bola de plástico de brincadeiras infantis, possui a finalidade de elevar o esforço dos músculos. Entre as ferramentas de auxílio na execução da prancha está o ring toning. Este círculo flexível pode ser manejado tanto para dificultar a execução, como para facilitar, servindo de apoio para a sustentação do quadril durante a prática.

Para quem deseja executar a prancha, Silva recomenda manter um bom alinhamento entre pernas, quadril, tronco e cabeça. “O exercício pode ser praticado em casa, mas é importante tomar os cuidados necessários para que a realização não sobrecarregue algumas partes do corpo. Procure sempre a orientação de um Profissional.”

0 comentários